segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Brasil - Argentina


Fronteira Brasil – Argentina, extensão 1261 km, sendo apenas 25 km terrestres, e outros 1236 por rios.
Wikipedia: Fronteira Brasil – Argentina

uma dezena de pontos de passagem em 3 estados no total, inclusive 2 com trafego intenso (por pontes), 4 menos movimentados (3 por pontes e uma terrestre) e 4 travessias de balsa de uso sazonal.

Estas últimas dependem do nível de água no rio Uruguai, são seguintes:
entre Porto Mauá (RS) e Alba Posse (ARG), Coordenadas Wikimapia;
entre Porto Vera Cruz (RS) e Porto Panambi (ARG), Coordenadas Wikimapia;
entre Porto Xavier (RS) e San Javier (ARG), Coordenadas Wikimapia;
entre Itaqui (RS) e Alvear (ARG), Coordenadas Wikimapia;
Balsas - consulte aqui tarifas, horários e telefones de contato
.
Unidades da Receita Federal: IRF/Porto Mauá; IRF/Porto Xavier.

Na mesma região há uma ponte internacional que concentra trafego local, inclusive linhas regionais de ônibus:
entre São Borja (RS) e Santo Tome (ARG), Coordenadas Wikimapia

Ao sul destes cinco pontos fica a mais movimentada travessia internacional do rio Uruguai, pela ponte
entre Uruguaiana (RS) e Paso de Los Libres (ARG), Coordenadas Wikimapia.
Por aqui passa a maioria das linhas internacionais de ônibus de longa distância, que ligam São Paulo e Rio de Janeiro a Buenos Aires (PLUMA) e Santiago (PLUMA e CHILEBUS), bem como Buenos Aires e Córdoba a Porto Alegre e Litoral Sul brasileiro (FLECHA BUS).
Unidade da Receita Federal: DRF/Uruguaiana.

O único ponto terrestre é localizado na conurbação de três pequenas cidades:
Dionísio Cerqueira (SC), Barracão (PR) e Bernardo de Irigoyen (ARG), Coordenadas Wikimapia
Unidade da Receita Federal: IRF/Dionísio Cerqueira.

Menos de 30 km ao norte ficam ligadas pela ponte sobre pequeno rio Santo Antônio
Santo Antônio do Sudoeste (PR) e San Antonio (ARG), Coordenadas Wikimapia.
Unidade da Receita Federal: IRF/Santo Antonio do Sudoeste.

Há mais uma ponte internacional sobre este rio, pouco antes da sua foz no rio Iguaçu, próximo ao Porto Moises Lupion
no município Capanema (PR) Coordenadas Wikimapia
Unidade da Receita Federal: IRF/Capanema.

Finalmente, o mais popular entre viajantes ponto de fronteira que liga dois países:
pela ponte sobre o rio Iguaçu entre Foz do Iguassu (PR) e Puerto Iguazu (AGR), Coordenadas Wikimapia.
Os ônibus internacionais de longa distancia levam até Buenos Aires (CRUCERO DEL NORTE que liga a São Paulo e Rio de Janeiro, e PLUMA de Foz do Iguaçu). Mas há também intensa circulação de ônibus e vans de turismo, bem como de ônibus internacional urbano, ligando cidades da "tríplice fronteira". Cuidado para não embarcar na Argentina com destino Cuidad del Este, esta linha NÃO TEM PARADAS (NÃO ABRE PORTAS) NO TERRITÓRIO BRASILEIRO.
Unidade da Receita Federal: DRF/Foz do Iguaçu.

Ilustrações

Ponto de fronteira Brasil - Argentina em Dionísio Cerqueira (SC), Barracão (PR) e Bernardo de Irigoyen (Missiones, ARG):


Marco da tríplice fronteira - Santa Catarina à direita, Paraná à esquerda (estados divididos por uma avenida urbana) e Argentina aqui mesmo, deste lado. A passagem de pedestres é livre.


Passagem de veículos entre Brasil (esq.) e Argentina (dir.). O controle migratório é opcional, só para quem pretende adentrar por mais de 30 km. Neste caso precisa apresentar um seguro de veículo "carta verde" (pode ser feito no posto de combustível a uma quadra daqui) e registrar documento pessoal no prédio à direita.


Ponto de fronteira Brasil - Argentina em Foz do Iguaçu:



Alfândega brasileira, ônibus internacional de longa distância (PLUMA).



Ponte "neutra".



Vista da ponte para o Rio Iguaçu no sentido rio Paraná.



Alfândega argentina, trafego de ônibus internacional urbano.



Alfândega argentina, ônibus internacional de longa distância (CRUCERO DEL NORTE) e vans de turismo.


Vista aérea do rio Uruguai com cidades Itaqui (RS - esquerda) e Alvear (ARG):



Há apenas uma ponte ferroviária, travessia de veículos e pessoas por balsa.


Foto do autor
Atualizado 21.10.2015





Nenhum comentário:

Postar um comentário