segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Salto do Yucumã, Derrubadas - RS

O Salto do Yucumã fica no poderoso Rio Uruguai, na divisa entre Rio Grande do Sul e Argentina (Prov. Missiónes) e possui impressionante comprimento de queda, uns 1800 metros, quase em linha reta, portanto forma panorama de rara beleza. Cidades próximas: Derrubadas (3 mil habitantes, 19 km até o Salto), Tenente Portela (14 mil habitantes, 36 km até o Salto). A estrada entre cidades Tenente Portela e Derrubadas (18 km) e entre Derrubadas e portaria do Parque (4 km) foi asfaltada recentemente.

Este monumento natural merece muito mais atenção do que recebe na atualidade, o que ocorre por causa de altura instável de queda, e da fraca infraestrutura ao seu redor. A vista padrão, que consta nas foto oficiais, é com apenas 12-15 metros de altura; Mas com aumento de nível de água no rio, a fenda enche e a diferença diminui. No final de janeiro de 2013 observamos uma queda de 6-8 metros, com forte fluxo de água. E o leito do rio, esculpido em pedras, indica, que não é raro estar tudo completamente coberto pela água. Para complicar mais, o nível do rio sente mais o humor das hidrelétricas lá acima, do que as estações do ano. Portanto, a "Cachoeira que desaparece e aparece de novo" não tem valor para operadoras turísticas, e não existe nenhum pacote ou tour que inclua este lugar. A visitação é somente por entusiastas que viajam por conta própria e pelos moradores da região, que usam a área de lazer do Parque Estadual para confraternizações em torno das churrasqueiras de grande porte.

Esta área de lazer, junto ao estacionamento, fica 15 km distante da portaria do parque. A estrada de terra que corta a área de proteção ambiental tem trechos entre bons e razoáveis. Não é permitido parar e visitar outras áreas do Parque, apenas a zona do Salto. E este é fácil de acessar a partir de estacionamento, apenas 600 m de bom caminho pedestre até o início das quedas. O Parque Estadual do Turvo fecha na segunda e na terça, nos outros dias abre das 8 às 16, o valor de ingresso depende da categoria de veículo (atualmente 12 reais por um carro de até 5 lugares), e não é cobrado por passageiro.

Não há nenhuma estrutura de apoio para quem viaja sem carro ou moto. Embora é possível contratar alguma condução particular nas cidades próximas, anúncios oficiais de tais serviços não circulam. E para chegar nestas pequenas cidades há poucas frequências de ônibus, as opções de hospedagem também são poucas. Para quem sai da Região Sudeste, o mais prático é ir de ônibus até a cidade Frederico Westphalen e seguir de lá com carro alugado (menos de 70 km até Derrubadas e menos de 90 até o Salto).

Relatos:
Últimos anos de um fenômeno natural
No Mochileiros.com - autores Cláudia e Silnei





Mais fotos:
Álbum Picasa
Álbum Facebook

Links externos recomendados:
Coordenadas - Wikimapia
Portal turístico oficial

Fotos do autor
Atualizado 26.07.2013


...lista 100 joias do Guia 4 Rodas
...lista Destinos de ecoturismo no Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário