sábado, 12 de março de 2016

Torre de Gálata com panorama de Istambul

Coordenadas Wikimapia - visitação das 9 às 20 todos os dias - ingresso 25 Liras 

Localizada ao norte do Centro Histórico, no outro lado do estuário Corno de Ouro. Este lugar elevado, mais 52 metros da própria torre (nível de mirante, a altura total é de 67 m) proporcionam ótimas vistas desta incomparável cidade. O acesso é fácil, seja caminhando, ou de metrô (estação "Şişhane" fica a uns 350 m);

A atual torre foi construída pela colônia genovesa de Constantinopla em 1348, no lugar da antiga torre bizantina que foi destruída em 1204 pelos bárbaros católicos durante a 4-a Cruzada. 



Já a data na placa dourada em turco de refere à tomada da cidade pelos otomanos. 

A torre de Gálata é quase imperdível, é único mirante panorâmico com vistas da zona histórica acessível ao público em geral. Para nós foi muito bom começar a conhecer  parte central de Istambul justamente daqui, chegando de metrô logo depois de acomodação no hotel oferecido pela "Turkish Airlines". Algumas coisas já deu para identificar. 




Por exemplo, aquela ponte na direção Oeste, por onde cruzamos o Corno de Ouro no caminho de aeroporto até hotel.



O próprio "Grand Cevahir Hotel" esconde-se entre arranha-céus no horizonte Norte. Mais exatamente, atrás da "caixa preta" na margem esquerda desta foto, aos lados da qual aparecem  dois prédios vizinhos do hotel. É bem longe, embora toda esta distância cade apenas uma estação intermediária de metrô, cuja linha Norte é de alta velocidade e alcança subúrbios muito mais afastados.



Setor Nordeste: Estreito de Bósforo e a famosa ponte sobre o mesmo. Estamos na Europa, mas no outro lado, à direita, já á Ásia.  Acontece que já conhecemos esta divisa em dois outros lugares: em Orsk (Rússia) e em Uralsk (Oral) em Cazaquistão, onde ela é representada pelo rio Ural (Oral). Em Orsk até cruzamos esta linha simbólica de transporte público algumas vezes. Portanto hoje não há motivas de invadir a Ásia: parte europeia da Istambul merece muito mais que um dia.



Mas para quem quiser há várias balsas atravessando direto da parte central, pela mesma tarifa de metrô (4 Liras).



A nossa intenção agora é seguir caminhando para Centro, atravessando o Corno de Ouro por esta Ponte de Gálata e virando na direção de Santa Sofia. Tudo resto que encontraremos pelo caminho será puro lucro. É só contemplar as vistas da torre por mais uns minutos e começaremos marcha para sul!






Fechando o giro: direção Sudoeste, com aquelas duas pontes que anotamos à direita indo de aeroporto. A estação de metrô sobre o corno de Ouro é a próxima na nossa linha, talvez à noite voltaremos para hotel embarcando nela ou na estação seguinte.  



Mais algumas detalhes no raio curto em torno da torre. 



Uma aconchegante praça ao redor da Torre Gálata oferece descanso tranquilo, mas não vamos parar aqui por muito tempo...


Fotos do autor
Atualizado 12.03.2016

...cartão de visita Istambul, Turquia (em construção)

Nenhum comentário:

Postar um comentário